DIETA DOS PONTOS: Tudo o que você precisa saber para emagrecer com SAÚDE

Artigo sobre dieta dos pontos

Emagrecer com saúde pode parecer um desafio. Isso porque, muita gente tem dificuldade em saber o quanto estão comendo e até que ponto suas refeições estão sendo hipercalóricas. Uma excelente maneira de perder peso e saber exatamente quanto comer é através da Dieta dos Pontos.

Essa é uma opção de dieta para emagrecer ideal para quem não deseja adotar um regime alimentar mais restritivo, que elimine determinados alimentos do seu cardápio. Com a Dieta dos Pontos, você consegue gerar a perda de peso desejada, mas sem deixar de comer aquilo que realmente gosta.

O grande diferencial dessa abordagem é que, tendo o controle sobre os alimentos que consome por meio da contagem de pontas em sua dieta, você pode comer de tudo. Basta utilizar os pontos para saber quando a refeição já chegou ao limite diário de calorias.

Nesse artigo, vamos lhe ensinar de que maneira a Dieta dos Pontos funciona e também como perder peso rápido com ela. Então não deixe de ler até o final!

Artigo sobre dieta dos pontos

Esse método é uma dieta para emagrecer que tem como premissa o consumo de menos calorias do que se gasta durante o dia, para gerar o emagrecimento rápido e saudável.

Isso quer dizer que você passará fome? Não!

Você apenas irá controlar não só a quantidade de calorias a serem consumidas, como também focar em alimentos com um índice nutricional elevado. Ou seja, seu corpo ficará satisfeito, mas sem ser bombardeado pelo excesso de calorias.

Essa dieta para perder peso leva em conta dois dados sobre o seu corpo:

  • O Índice de Massa Corporal (IMC);
  • Taxa de Metabolismo Basal.

Com essas duas informações é possível saber quantas calorias você deve consumir por dia para manter o seu corpo em forma e funcionando corretamente.

Como funciona a Dieta dos Pontos?

A Dieta dos Pontos funciona de maneira simples. Cada alimento que você ingerir durante o seu dia terá uma pontuação, sendo que cada ponto equivale a 3,6 kcal.

O que você deve fazer é controlar a quantidade de pontos consumidos em cada refeição e no seu dia como um todo. Assim, será mais fácil se manter dentro do limite calórico e de carboidratos, e também optar por alimentos mais nutritivos e com poucas calorias.

Para seguir essa dieta sem comprometer a sua saúde, é imprescindível que conte com o auxílio de um profissional para lhe dar suporte sobre como fazer dieta desse gênero. Isso porque, somente ele poderá avaliar as suas necessidades e indicar um cardápio mais adequado, com a quantidade de calorias ideal para suprir o gasto de energia em sua rotina.

Além disso, é preciso ter em mente que é necessário focar não apenas nas calorias dos alimentos, mas no valor nutricional deles.

O ideal é usar o aplicativo Dieta dos Pontos. Isso porque, ele tem uma vasta lista de alimentos catalogados, seus respectivos valores nutricionais e também os pontos de cada alimento.

Benefícios da dieta dos pontos?

Que a dieta dos pontos emagrece isso não é novidade. Contudo, o que muita gente não sabe é que ela traz uma série de outros benefícios, não só para o corpo, como para a saúde e bem-estar. Entre eles, estão:

  • Não é tão restritiva

Muita gente tenta fazer dieta, mas acaba desistindo logo de cara, pois o método é muito restritivo e impo sibita a adoção do regime alimentar por muito tempo.

Na Dieta dos Pontos, você consegue contar com uma ampla variedade de alimentos, onde tudo é uma questão de saber dosar a quantidade consumida e escolher com qualidade os alimentos que vai consumir no dia.

  • Auxilia na reeducação alimentar

A reeducação alimentar é a base para uma vida mais saudável. E esse método pode te auxiliar a reeducar o seu organismo.

Isso porque, ela não restringe vários alimentos, mas te ensina a ter equilíbrio nas refeições.

  • Foco em alimentos mais nutritivos

Outro diferencial da Dieta dos Pontos é que uma das regras desse método para emagrecer é focar em alimentos nutritivos. O seu corpo precisa de uma quantidade mínima de nutrientes diários.

Por isso é necessário ter atenção não apenas na quantidade de calorias, mas, também, nos valores nutricionais.

Como calcular os pontos?

Para calcular a quantidade de pontos a serem consumidos, antes de qualquer coisa é preciso entender que ela não é igual para todos. Além de levar em conta o IMC e a TMB, fatores como idade, peso, sexo e atividades físicas praticadas também devem ser considerados.

De modo geral, a média para quem deseja perder quatro quilos por mês é uma dieta de 320 pontos por dia, ou seja, 1.200 calorias. Todavia, o ideal é consultar um nutricionista para que ele possa dar as orientações necessárias sobre a dieta, ou fazer um cálculo especifico para as suas características e necessidades diárias.

Para começar, você precisa calcular a sua TMB.

Os valores de base são:

Mulheres

  • 10 a 18 anos: 12,2 x peso (Kg) + 746
  • 19 a 30 anos: 14,7 x peso (kg) + 496
  • 31 a 60 anos: 8,7 x peso (kg) + 829
  • Acima de 61 anos: 0,5 x peso (kg) + 596

Homens        

  • 10 a 18 anos: 17,5 x peso (kg) + 651
  • 19 a 30 anos: 15,3 x peso (kg) + 679
  • 31 a 60 anos: 8,7 x peso (kg) + 879
  • Acima de 61 anos: 13,5 x peso (kg) + 487

Vale lembrar que esse cálculo se baseia na quantidade de atividades físicas praticadas por dia. Por conta disso, é recomendado que você fale com um profissional para que a fórmula seja feita da maneira correta.

Em seguida, você deverá descobrir o seu GET, que é o Gasto Total de Energia. Para isso, leve em conta os grupos abaixo:

Sedentário (nível 1,2)

Indivíduo que passa muito tempo sentada, não realiza nenhum tipo de esporte ou atividade física. Também não frequenta a academia.

Leve (nível 1,4)

Indivíduo que pratica atividades físicas leves, entre 1 e 3 dias por semana. Entre os exercícios podemos citar alongamentos e caminhadas.

Moderado (nível 1,6)

Faz atividades físicas moderadas de 3 a 5 dias por semana. Entre elas podemos citar corrida leve, andar de bicicleta ou dança aeróbica.

Ativo (nível 1,9)

Praticante de exercícios físicos pesados. Realiza essas atividades de 5 a 6 vezes por semana. Entre elas estão corrida, jogar futebol ou basquete.

Extremamente ativo (nível 2,3)

Faz exercícios pesados todos os dias da semana, ao menos duas vezes ao dia. Tem uma verdadeira rotina de atleta, participando de competições e tendo um cronograma de treinos.

Para chegar ao GET, você precisa multiplicar esse nível, que é chamado de NAF, pela TMB.

Então suponhamos que a sua TMB seja de 1.525 (índice para uma mulher de 35 anos com 80 quilos) e o seu NAF de 1,2.

1.525 x 1,2 = 1.690

Você deveria consumir 1690 calorias diárias ou 469 pontos (para converter calorias em pontos basta dividi-las por 3,6).

A última etapa para saber como perder peso rápido com a dieta dos pontos é calcular o seu IMC. Com ele você saberá quantos pontos é necessário consumir para a perda de peso.

Para isso basta fazer a seguinte fórmula:

IMC: Peso / Altura x Altura

Usando o exemplo anterior, ficaria

IMC: 80 / 1,75 x 1,75 = 29,38

Agora, encontre o seu IMC com base nas informações abaixo:

IMC – Mulheres / Pontos

  • Entre 25 e 29,9 / 175
  • Entre 30 e 34,9 / 200
  • Entre 35 e 39,9 / 250
  • Acima de 40 anos / 300

IMC – Homens / Pontos

  • Entre 25 e 29,9 / 200
  • Entre 30 e 34,9 / 225
  • Entre 35 e 39,9 / 275
  • Acima de 40 anos / 325

No exemplo acima, a quantidade de pontos do IMC seria de 175. Agora é só subtrair a quantidade de pontos do IMC da quantidade do GET:

Total de pontos ao dia: GET – IMC

Total de pontos ao dia: 469 – 175 = 294

Ou seja, a quantidade de pontos a serem consumidos para essa pessoa seria 294, que equivale a 1058 calorias ao dia.

É importante ressaltar que esse resultado equivale as condições levadas no exemplo. Você precisa levar em conta os seus hábitos e características para chegar à quantidade de pontos ideal. Por isso que o auxílio de um profissional é tão importante.

As regras da dieta dos pontos

Essa dieta emagrece, contudo, para que ela realmente dê certo, é necessário levar em conta algumas regras:

Tempero

Se você usou tempero no almoço ou jantar, desconte 15 pontos.

Frituras

Se você comeu um alimento frito, multiplique por três os pontos indicados na tabela.

Milanesa

Alimentos a milanesa também devem ter os pontos indicados na tabela multiplicados, mas por 4.

Limite

Se mantenha dentro do limite, não consumindo nem mais nem mentos pontos.

Jejum

O jejum não faz com que mais pontos sobrem para o outro dia.

Alimentos que valem zero pontos

Não consuma mais que 5 alimentos que valem 0 pontos por dia.

Quantidade mínima de pontos

Nunca consuma menos que 230 pontos por dia, que equivalem a 826 calorias.

Pratique exercícios

Ao praticar exercícios você queima calorias, e, consequentemente tem mais pontos para consumir. Por exemplo, você gastou 200 kcal em uma caminhada? Então terá mais 55 pontos extras para consumir.

Recalcule

Após perder 5 kg com a dieta dos pontos, faça um novo cálculo para saber quantos pontos deverão ser consumidos a partir de agora.

Gorduras trans.

Os únicos alimentos totalmente proibidos na dieta dos pontos são aqueles que têm gorduras trans.

Tenha essas regras decoradas para garantir o sucesso do seu regime.

Dicas para você conseguir fazer a dieta dos pontos com sucesso

Agora que você já sabe como eliminar calorias usando a Dieta dos Pontos, nós vamos dar algumas dicas e como colocar ela em prática e obter os melhores resultados.

Mantenha um acompanhamento profissional

Todos os cálculos que nós citamos acima levam em conta uma série de fatores. Além disso, não adianta nada se manter dentro do máximo de pontos, e ter uma alimentação podre, nutricionalmente falando.

Por conta disso o ideal é manter um acompanhamento profissional. Apenas um nutricionista poderá realizar os cálculos levando em conta todas suas características e necessidades e indicar o melhor cardápio.

Tenha um diário alimenta

A segunda dica para a sua Dieta dos Pontos ser um sucesso é manter um diário alimentar. Ou seja, anotar tudo o que você consome. Apenas assim você evitará se perder na quantidade de pontos.

Existem vários aplicativos que permitem que você crie esse diário alimentar e anote exatamente as porções e alimentos consumidos e os pontos que eles equivalem.

Não fique comparando abordagens

Sua amiga ou vizinha perder 6 kg em um mês enquanto você perdeu 2 kg? Não se desespere! A Dieta dos Pontos, assim como outros métodos, exige paciência.

Mais do que isso, é necessário levar em consideração que todo metabolismo funciona de maneira distinta.

O seu corpo não funciona exatamente da mesma maneira que o da sua vizinha ou amiga. Então, se mantenha firme e tenha disciplina para não se deixar abalar por essas questões.

Pratique exercícios físicos

Essa é a grande jogada para quem deseja ter uns pontinhos extras na dieta dos pontos, ou, até mesmo acelerar o emagrecimento. Os exercícios físicos eliminam calorias. Consequentemente subtraem pontos do seu dia.

Logo, ao praticar alguma atividade do gênero, você acabará diminuindo a quantidade de pontos consumidos. Você poderá consumir mais ou não e acelerar o emagrecimento.

Mas, lembre-se sempre de consumir ao menos o mínimo exigido, que é 230 pontos.

Não faça jejum para compensar ou trapacear

Acabou comendo m ais do que devia? Não faça jejum. Além disso, não use ele como uma ferramenta para tentar ganhar pontos extras no dia seguinte.

Se você exagerou, tente diminuir a quantidade de pontos consumidos no dia seguinte. Ou, pratique exercícios físicos para queimar o excesso.

Coma uma saladinha antes das refeições

As verduras, além de equivalerem a menos pontos, também tem poucas calorias. Além disso, se consumidas junto com fibras, aumentam a sensação de saciedade. Logo, elas são grandes aliadas de quem deseja emagrecer.

Essas são apenas algumas dicas para você conseguir fazer a sua dieta dos pontos. Colocando elas em prática, mantendo um cronograma de exercícios físicos e um cardápio saudável, você verá que será fácil emagrecer com saúde.

Gostou de saber como a Dieta dos Pontos? Então aproveite para nos seguir nas redes sociais e receba mais dicas de como perder peso de forma saudável, e ainda melhorar a sua saúde e bem-estar.