Como montar uma gráfica na sua cidade

como montar uma gráfica

Montar uma gráfica em qual quer cidade do Brasil pode proporciona ótimos lucros em cima do valor investido. Mas para fazer isso funcionar você precisa seguir a estratégia certa para conduzir o negócio ao sucesso.

Então nós criamos este conteúdo com algumas dicas de como você pode montar sua própria gráfica.

1 – Estudo do mercado (lição de casa)

Antes de começar seu empreendimento tanto no ramo de gráfica como qual quer outro, é de suma importância conhecer o mercado, assim antes mesmo de começar, você vai descobrir quais os pontos fracos e quais os pontos fortes, se vale a pena investir no seu bairro ou no bairro vizinho.

investimento em uma gráfica

Com uma gráfica você poderá fazer diversas impressões como: convites de casamento ou aniversário, cardápios, folders, guias turísticos, cartões de visita, cartazes, cartão postal, encadernação e até mesmo impressão de livros, apostilas e revistas.

Com essa visão clara, observe seus concorrentes, o que eles estão fazendo que você poderia fazer melhor?

Se você está pensando que não tem capital suficiente para começar o seu empreendimento gráfico, já que nós sabemos que os maquinários não são baratos, você pode começar oferecendo menos serviços e então vá crescendo conforme a demanda.

2 – O ambiente de trabalho (ponto comercial)

Quem fez a lição de casa (estudar o mercado) vai ter uma facilidade é saber escolher o local ideal seja para comprar ou alugar.

Mesmo assim aqui umas dicas, escolhe um local com bastante movimento e se possível perto de lojas e departamentos, se for uma gráfica rápida, por exemplo, procure por locais próximos a escolas, cartórios e rede de lojas.

Fato importante é que não basta ser em um local movimentado, você precisa ter uma posição onde você está bem visível.

3 – Investimento e Escala na Gráfica

Conhecedor do mercado, escolheu o local ideal com precisão, agora é a hora de colocar no papel todo o investimento incluindo as despesas mensais com ponto comercial (caso alugado), funcionários, internet, telefone, energia, material.

Com isso no papel e de preferência em um local onde você possa sempre ver, vai ficar mais claro o quanto você pode investir e o quanto você deve vender para ficar no lucro.

4 – Maquinários básicos de uma gráfica

Antes de mencionar todos os maquinários básicos, você precisa saber como vai ser o modelo de trabalho, por exemplo, é você quem criar e editar artes ou pretende contratar algum especialista?

Vai ter as próprias gravações de chapa ou pretende terceirizar? Isso é importante para evitar gastos desnecessários com maquinários que talvez você nunca utilize.

Mas, para montar uma gráfica em Maceió ou em qual quer outra cidade os equipamentos básicos são:

  • Impressora offset
  • Guilhotina
  • Gravadora de chapas
  • Impressora tipográfica
  • Computador
  • Máquina dobradeira
  • Scanner de mesa
  • Refiladora
  • Sistema de numeração
  • Picotadora
  • Serrilhadeira gráfica

5 – Funcionários

funcionários da gráfica

Como estamos dando dica de como começar uma gráfica, se você está lendo esse conteúdo é por que está começando ou pretendo começar, então a princípio talvez não haja necessidade de contratar alguém, talvez um design para fazer modificações e artes para clientes, a vantagem de ter um design é que pode vender criação de logo e design para clientes e ter uma segunda fonte de renda.

7 – Portfólio Gráfico (mostre seu trabalho)

É mais do que importante sua gráfica ter um ou mais portfólios é essencial que o seu cliente veja a qualidade dos seus melhores trabalhos.

portfólio gráfica

É literalmente para isso que vai servir o portfólio, além de ser seu cartão de visitas, você está ajudando ele tomar a decisão de escolher sua gráfica para realizar algum serviço, pois ele estará vendo seus melhores trabalhos, fortalecendo assim a confiança e credibilidade que ele fará um bom negócio.

8 – Pagamento facilitado

Um ponto crucial para sua gráfica caminhar a trilha do sucesso é ter a facilidade de receber pagamentos dos seus clientes, por exemplo, aceitar cartão de credito, cheque, débito online, transferência o que você pode fazer para facilitar o pagamento, melhor para sua gráfica, lembre-se ofereça aquilo que seus concorrentes não oferecem.

Só não sacrifique a qualidade dos seus serviços para ter um preço barato, bem abaixo do mercado.

10 – Publicidade (mostre sua gráfica ao máximo de pessoas possível)

Você acabou de alinhar e ajustar todos os pontos, sua gráfica está prepara e estabelecida para receber seus clientes, mas e ai como eles vão vim até você?

É de suma importância que você implemente uma forma de divulgar sua gráfica, e um conselho a parte que eu posso te dá, é, foque na divulgação digital!

Praticamente hoje em dia está todo mundo conectado, se as pessoas estão lá, é lá que estão seus clientes, então apareça!

Outra dica tradicional, mas não menos importante, espalhe panfletos, dê cartões de visitas, paga alguém para colocar seu portfólio na caixa de correios no seu bairro ou região, faça promoções, dê descontos, faça propagando em veículos de som e parceria com outras empresas.

Bom, então é isso! Se você gostou do conteúdo peço que compartilhe nas suas redes sociais, mostre ao um amigo, deixe que ele também leia essas dicas.

Clientes, assim os seus vão para o estabelecimento parceiro e o do estabelecimento parceiro vem até você.